Economizamos um milhão de litros d’água!

Em um mês, medidas adotadas pelo Caiçaras levaram a uma redução de 35% no gasto

Num mês típico de inverno nosso clube consome três milhões de litros d’água, podendo chegar a quatro milhões nos meses de verão. Desse total, 1,5 milhão de litros são usados nos vestiários e banheiros, 750 mil para repor a água do parque aquático, 250 mil nas cozinhas e mais de 180 mil litros são usados todos os meses para assentar o saibro das quadras de tênis. O restante é utilizado para limpeza, rega de jardins etc.agua_terra

É um grande volume d’água a ser bem gerenciado. Por isso, em agosto foi contratada a GL Serviços em Saneamento, uma empresa de gestão de água que já realizou este trabalho em clubes como Paissandu, Flamengo e Fluminense.

Gerson Leitão, diretor da empresa, conta que o primeiro passo foi medir o consumo de água nas várias áreas do clube, o que permitiu identificar onde havia um consumo anormal. O estudo encontrou vazamentos e desperdícios, alguns rapidamente corrigidos, outros demandando obras, que serão realizadas em breve. Alguns procedimentos internos foram ajustados para reduzir desperdícios. Foram instalados redutores de pressão e arejadores em torneiras dos banheiros e passamos a contar com um profissional da empresa no clube monitorando o consumo diário de água.

O passo seguinte foi a instalação de redutores de pressão nos chuveiros do clube. Nossos chuveiros funcionavam com a vazão de 30 litros por minuto, que é normalmente usada em chuveiros de sauna. Um banho de 5 minutos gastava 150 litros d’água. A vazão foi reduzida para 12 litros/min, que é a vazão normal recomendada para um chuveiro.

Em setembro, estas medidas permitiram uma economia de 35% em relação ao mesmo mês do ano passado. Economizamos um milhão de litros d’água. Para se ter uma ideia do que isso representa, este é o volume d´água de todo o nosso parque aquático.

O projeto traz um considerável retorno financeiro, além de ser um importante passo na iniciativa de termos um clube mais ecologicamente responsável.

O trabalho continuará, novas melhorias serão feitas. Esperamos uma redução ainda maior nos próximos meses. Por exemplo, em breve teremos um sistema de captação de água da chuva para a rega de jardins. Mas isso é assunto para uma próxima matéria.